Design no Marketing de Conteúdo: Tudo que você deve saber

No Comments

Na aplicação de design no marketing de conteúdo um dos primeiros passos para criação de campanhas ou artes, é a capitação de informações tanto do seu cliente quanto do “cliente do cliente”, quem, sugestivamente, compra os produtos que vê em posts ou anúncios.

Outros passos incluem: inspirações, tanto nas artes anteriores ou outras de marcas famosas; criar padrões ou seguir os pré-estabelecidos; feedbacks acerca de criações anteriores (de modo que alinhe e aprimore seus métodos de organização e acabamentos neles, respectivamente) e organização na sua pré-criação (como já ter noção de onde procurar imagens ou fontes, que irão compor um post).

Uma trabalheira, mas que dá qualidade e propósito a suas peças!

A coleta de informações é essencial

É, praticamente, difícil iniciar sua produção sem nem saber para quem ele vende (público-alvo) ou o que chamará a atenção, por exemplo. E disso você saberia colecionando todos os dados possíveis (até da concorrência) para montar algo que seja a cara dele, chegando até a criar um diferencial! E é esse passo inicial que irá dar qualidade no material.

Inspirar-se aumenta suas possibilidades!

Em outras palavras, a medida que você busca por materiais já produzidos semelhantes ao que lhe foi pedido, você vai resolvendo vários quebra-cabeças, que, com certeza, te darão uma ideia final para sua arte! Criar algo do zero é válido, mas quando se tem anos de experiência, equipe que te oriente e transmita ideias a todo momento e tempo… fica muito mais rápido.

Por outro lado, não deixe de seguir os padrões e estilos já definidos para a marca. Enquanto você estiver inspirando-se, lembre-se que seu cliente já pode ter uma “cara” no mercado. Ou seja, as cores, fontes de tipo e o modo de organização das informações na arte podem ser reaproveitadas, seguindo o padrão. Permitindo, desta maneira, de cara a identificação do cliente ao público. E mesmo já tendo “tudo pronto”, no caso dos padrões, é importante receber feedbacks, que são as opiniões de leitores sobre suas criações a fim de melhorá-las ainda mais! Ao receber um, anote e vá montando seu leque de melhorias, aplicando sempre que necessário.

Agora, em relação a otimização de tempo, deve-se ter também um leque de recursos. Ter organização em sua pré-criação é sinônimo de agilidade e praticidade. Pesquise à fundo quais os melhores bancos de imagens e opte pelos melhores e faça isso na seleção de fontes, paletas de cores, tutoriais, etc. Saber para aonde ir diminui aquela “travada” inicial no processo criativo, que acaba atrapalhando o seu arranque.

A melhor maneira de pôr cada uma dessas sugestões em prática talvez seja uma escolha pessoal, mas o time da Alexandria vai sempre estar à disposição para ajudar!

Sobre nós e este blog

Somos uma empresa de marketing digital com foco em ajudar nossos clientes a alcançar grandes resultados.

Solicite um orçamento

Oferecemos serviços profissionais que ajudam a sua empresa se destacar usando os meios digitais.

Inscreva-se em nossa lista!

Os campos marcados com * são obrigatórios

Últimas publicações

Veja todas as publicações
No Comments
 

Deixe um comentário